A quarentena vai até quando em São Paulo?

A quarentena vai até quando em São Paulo?

Essa é uma dúvida que atormenta milhares de paulistas e paulistanos (moradores da capital) do estado. O isolamento social orientado pelo governador João Dória, como medida para conter a expansão do contágio do coronavírus Covid-19, provocou o fechamento de escolas, empresas e afetou a vida de toda a população de São Paulo.

Desde então, várias dúvidas permeiam a mente da população:

  • Quando começou a quarentena em São Paulo? Em 24 de março;
  • Quando vai ser o fim da quarentena em São Paulo? Essa não é uma pergunta fácil de responder.

Em 17 de abril, o governo estadual voltou a prorrogar o fim da quarentena em São Paulo, agora estendida até o dia 31 de maio.

Ou seja, caso exista alguma solução positiva, a quarentena em São Paulo acabará em 31 de maio, mas ainda não tem nada confirmado.

A quarentena mantém o fechamento de comércio e serviços não essenciais para reforçar o isolamento social e reduzir a circulação de pessoas ante o crescimento de casos e de mortes pela COVID-19 no estado.

“A atitude responsável do governo do estado de São Paulo é pela prorrogação desta quarentena e evitar o colapso no atendimento da saúde pública e privada”, comentou Dória.

As pessoas que precisam se locomover para supermercados, dentro do transporte público ou outras movimentações durante a quarentena estão sendo orientadas a comprar máscara de proteção.

O que é quarentena horizontal?

O isolamento horizontal é uma medida que foi adotada em diversos estados do Brasil e tem por objetivo isolar o máximo de pessoas possível dentro de suas residências, permitindo apenas o deslocamento de profissionais envolvidos em atividades tidas como essenciais.

O que é quarentena vertical?

Essa é uma estratégia que prevê o isolamento social de pessoas tidas como vulneráveis ao vírus e que, por este motivo, devem ter a sua movimentação reduzida e também ter maiores cuidados com a proteção para que não sejam expostas a Covid-19 ou qualquer outra pandemia.

Além da dúvida sobre quando acaba a quarentena em São Paulo, outra dúvida que permeia a mente das pessoas no estado é sobre o retorno das aulas tradicionais, principalmente das crianças.

Não é possível ainda afirmar quando acaba a quarentena em 2020, muito menos se os anos letivos voltarão de forma normal ou gradativa.

Por isso, é importante que todos acompanhem as novidades sobre a busca por um tratamento eficiente contra a Covid-19, pois não sabemos quanto tempo vai durar a quarentena e, muito menos, como será o retorno após todo esse momento vivido.

O que é o coronavírus?

Os coronavírus são uma grande família viral, conhecidos desde meados de 1960, que causam infecções respiratórias em seres humanos e em animais.

Geralmente, infecções por coronavírus causam doenças respiratórias leves a moderadas, semelhantes a um resfriado comum. Porém, alguns coronavírus podem causar doenças graves com impacto em termos de saúde pública, como já verificado com a Síndrome Respiratória Aguda Grave (SARS), identificada em 2002, e a Síndrome Respiratória do Oriente Médio (MERS), identificada em 2012.

Quais são os sintomas do coronavírus?

Os sinais e sintomas clínicos são principalmente respiratórios, semelhantes aos de um resfriado comum. Podem também causar infecção do trato respiratório inferior, como as pneumonias.

Você que está ai no isolamento social precisa saber que alguns dos principais sintomas são:

  • Febre
  • Tosse;
  • Coriza;
  • Dificuldade para respirar.

Tenho os sintomas da Covid-19, o que posso fazer?

Assim que surgirem os primeiros sintomas, o paciente deve procurar o serviço de saúde mais próximo da sua residência. O profissional vai avaliar se os sintomas podem indicar alguma probabilidade de infecção por coronavírus, coletar material para diagnóstico e iniciar o tratamento.

A infecção apresenta manifestações clínicas parecidas com as de outros vírus e não existe tratamento específico para infecções por coronavírus até o momento.

Dessa forma, no caso do novo coronavírus é indicado:

  • Repouso;
  • Hidratação (ingestão de bastante água e líquidos);
  • Medidas adotadas para aliviar os sintomas, conforme cada caso, como: uso de medicamento para dor e febre (antitérmicos e analgésicos); uso de umidificador no quarto; tomar banho quente para auxiliar no alívio da dor de garganta e tosse.

Pacientes com sintomas mais intensos podem ser hospitalizados. A definição compete ao médico responsável pelo caso.

Coronavírus mata?

O óbito pode ocorrer em virtude de complicações da infecção, como por exemplo, insuficiências respiratórias. Os dados mais recentes da OMS (Organização Mundial da Saúde) indicam taxa de letalidade de 2 a 3% dos casos confirmados.

A quarentena vai até quando em São Paulo? Neste momento, não é tão interessante conseguir a resposta desta pergunta, mas sim tomar todos os cuidados para proteger-se deste vírus.

Depois de ler mais detalhes sobre a quarentena em São Paulo e como se proteger da Covid-19 e seus sintomas, aproveite e veja também:

Piloto faz vaquinha para compra de máscara

Covid-19 faz sua primeira vítima no Brasil

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *