norma NR10 - entenda a regra

Qual é a importância da NR10 para os eletricistas?

Os profissionais envolvidos em serviços elétricos precisam seguir rigorosos processos para preservar a sua saúde e também a segurança de cada projeto. Por isso, eles precisam também se adaptar e respeitar diversas normas técnicas. Entenda agora qual é a importância da NR 10 para os eletricistas.

A NR10 é uma das normas mais conhecidas entre os profissionais que atuam em serviços elétricos, no entanto, ainda existem aqueles que ainda não sabem o que ela significa realmente e para que serve. É o seu caso?

Isso pode ser muito perigoso, uma vez que a mesma foi criada para segurança do trabalhador e ambiente de trabalho.

É de vital importância que tanto as pessoas que exercem atividades envolvendo eletricidade, quanto os mais leigos no assunto, saibam exatamente a importância da NR 10 por questões de segurança, a fim de evitar mortes e acidentes elétricos.

Se você não sabe do que estamos falando, é hora de concentrar-se na leitura para entender de uma vez por todas qual é a importância da NR10 para eletricistas.

NR 10: Qual é a sua importância?

Ao realizar um curso no segmento elétrico, independente do grau de formação, a NR 10 sempre é abordada como um dos assuntos de estudo obrigatório. No entanto, há trabalhadores que atuam realizando serviços sem nem ao menos considerar a aplicação da mesma.

A Norma Regulamentadora 10, ou NR 10, foi estabelecida para garantir a segurança em instalações e serviços de eletricidade, com objetivo de obter uma regulamentação para que os trabalhos na área sejam realizados sem riscos de acidentes ou mortes, assegurando o bem-estar e saúde dos profissionais envolvidos na obra.

Essa norma foi divulgada em 1978 e atualizada em 1990, mas foi apenas em 2004 que foi modificada de acordo com questões mais detalhadas a respeito das regras e documentação dos serviços, sendo concluída de uma vez.

A versão da NR10 apresentada em 2004 deixou definido que quaisquer instalações elétricas precisam estar de acordo com a regulamentação da Associação Brasileira das Normas Técnicas – ABNT. O descumprimento desta norma deixa as empresas sujeitas a punições previstas em lei.

Anteriormente à NR10, muitos profissionais que operavam máquinas, realizavam instalações ou manutenções elétricas, sofriam acidentes graves e que prejudicavam sua saúde. Após a modificação e divulgação da nova versão da norma, as coisas mudaram e os índices de acidentes foram surpreendentemente reduzidos.

Uma das mudanças de maior impacto para o setor foi o treinamento obrigatório de 40 horas, ou seja, uma formação básica presencial ou curso online de NR 10 com certificado, a fim de permitir que os trabalhadores conheçam a fundo a norma regulamentadora, quais as suas características.

Além disso, todo profissional precisa passar por uma reciclagem a cada dois anos para novas adaptações ou procedimentos que sejam incorporados.

Ao tornar esse processo de capacitação e reciclagem de conhecimento obrigatório, os trabalhadores se conscientizam da importância da NR10 e dificilmente esquecem dos procedimentos que impactam suas vidas, diretamente.

Impacto da NR10 nas empresas e na vida dos trabalhadores

Após a mudança e divulgação da NR10 em 2004, o primeiro impacto é no bolso, já que os trabalhadores e empresas precisam passar pela formação. Porém, este suposto gasto inicial é facilmente incorporado e gera uma economia com a redução de acidentes e possíveis indenizações.

Logo, os antigos profissionais da área conseguiram compreender que o principal ganho está na qualidade de vida e nas horas trabalhadas, já que evita afastamentos provocados por acidentes.

Para os trabalhadores, o maior impacto da NR 10 envolve o “direito de recusa”, o qual estabelece que os mesmos podem negar a realização de atividades que coloquem em risco sua segurança caso as medidas de proteção e cuidado não sejam garantidas pela empresa.

Desde a sua implementação, a NR10 tem contribuído para reduzir os índices de mortes e acidentes no ambiente de trabalho em atividades que envolvam eletricidade. As empresas estão cada vez mais preocupadas em implantar medidas de segurança para seus funcionários atendendo aos requisitos da norma regulamentadora.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *